É dia de festa! (Anna Sophia)

Sei que um tecnicamente um blog não pode ser repetitivo.
Alguns “marketeiros” diriam que é preciso diversificar, colocar coisas diferentes. Uma sessão de família em uma semana, uma de gestante em outra, um bebê lindo em outra…
Enfim… entendo um pouco de marketing mas não sou assim.
Talvez meu sucesso fosse maior se aceitasse essas imposições publicitárias… talvez. Mas meu forte nunca foi seguir regras.
Já assistiram “Sociedade dos Poetas Mortos”? Tem uma cena onde o professor pede para um aluno ler um livro chatoooooo sobre regras de poesia, métrica, isso e aquilo. E após o texto chatíssimo ser lido ele pede que os alunos rasguem a folha do livro.
Esse foi um dos meus filmes favoritos durante anos, eu desejava estar ali para rasgar aquelas folhas.
Assim como poesia, a vida não deve ter tantas regras. Meu trabalho não tem. Por isso ele muda todos os dias.
Muda assim, sem medo, como eu. Cada sessão tem um tratamento diferente, uma trilha sonora diferente porque as pessoas são diferentes e tento transmitir um pouco do que sinto para dar personalidade aos álbuns.
Estou em uma fase de muitos aniversários, muitos mesmo.
Conheço vários fotógrafos que não gostam de fotografar aniversários. Alguns dizem que assim que puderem fotografarão só sessões de família, que são o “filé mignon” da fotografia infantil.
Eu adoro festa!
Ninguém vai triste para uma festa, é um dia onde as pessoas se preparam para curtir os momentos, a família se reúne e termina naquela parabéns gostoso cheio de boas energias para o aniversariante.
É diferente de uma sessão, claro. É mais cansativo, mais difícil de criar e o controle da luz pode ser algo bem complicado. São desafios que nos fazem crescer.
Fotografar em um buffet mal iluminado, por exemplo, nos faz ter que criar soluções. Aquela fumaça que deixa as fotos opacas faz com que aprendamos um pouco mais sobre tratamento de imagens. Ah, as paredes coloridas também são um desafio. Questões técnicas… e só.
É com as festas que aprendemos a nos superar porque o momento não pode ser refeito, ele está ali, temos que aproveitar cada segundo.
Por isso verão muitas festas por aqui.
Porque não sigo regras, faço o que sinto e hoje fiquei com vontade de lhes mostrar as fotos da Anna Sophia.
Fotografamos a Anna Sophia desde seu primeiro aninho. Sempre linda, com esses olhos expressivos que, no início, nos olhavam desconfiados mas agora, após tantos anos, já nos procuram e brincam conosco.
Essa festa foi deliciosa porque mostra como ela cresceu, como já tem seus amigos, brinca o tempo todo com eles e se diverte sem timidez.
É delicioso vê-los crescendo assim, com tanta energia.

Voltar ao início Entre em contato Envie para um amigo Tweet this Post Receba o blog por e-mail
UA-148820862-1