Um Natal Mágico

Como devem ter notado tenho postado pouco.
O ano voou e não sobrou tempo.
Foram tantas coisas boas acontecendo que os dias passaram sem que eu notasse.
Hoje vou falar do final do ano. Vou contar como se fecha algo com chave de outro e se prepara um reinício.
Vou falar um pouco sobre uma nova fase cheia de alegria, uma espécie de portal de sonhos que se abriu e também falarei sobre provas que tudo acontece na hora certa, é só esperar.
E nada melhor do que um Milagre de Natal para explicar tudo isso, não é?
Imaginem algo que não era pra acontecer mas acontece e te surpreende.
Assim foi o Natal aqui do Estúdio!
Quem tem me acompanhado sabe que em janeiro quebrei a perna e passei o ano sem fotografar. Agora no final do ano, prestes a fazer uma cirurgia chata, acabamos decidindo não fazer Natal no Estúdio.
A decisão foi simples: eu de muletas não conseguiria fazer o que gosto da forma que gosto e como nunca gostei de fazer “mais do mesmo” decidi que era melhor não fazer do que fazer mal feito.
Um dia, conversando com a Tathy Carvalho falei que estava chateada, que não ia dar pra fazer e eu ia deixar de fotografar crianças que acompanho durante muito tempo e ela retruca: Como assim não vai dar? Eu te ajudo!
Foi assim que começou nosso Natal, em uma conversa informal entre duas pessoas loucas que não deixaram de sonhar.
Mas e o tempo? Precisaríamos ter o cenário em duas semanas, ainda não havia nada de Natal pra comprar pelas lojas… como fazer? Como criar tudo tão rápido sendo que ela estava em São Paulo e eu aqui.
Mais uma vez a Tathy me tranquilizou: Não se preocupe, vai dar tudo certo. Agende as sessões e no dia o cenário estará pronto.
Antes de tudo preciso falar pra vocês quem é a Tathy.
Ela é a proprietária do Estúdio Tata Carvalho https://www.facebook.com/estudiotata . Só pra entenderem um pouco, a idéia do estúdio Tata Carvalho é produzir justamente festas exclusivas a partir dos sonhos de quem o contrata.
Vocês já devem ter visto no blog a sessão da Sophia, lá conto como reencontrei a Tathy  após anos sem vê-la e lá dá pra entender um pouco sobre como tudo funciona também porque a sessão da Sossô foi produzida por ela.
O carinho com cada projeto é um carinho de mãe.
Lembra aquelas festas no quintal com amigos, com a vó fazendo os quitutes e o resto de família preparando as lembrancinhas com todo carinho? É assim que me sinto nas festas que a Tathy faz. Ela abraça a idéia e curte fazer cada pecinha.
Ah, mas se você quiser algo igual ao que todo mundo faz…. ela não faz. Porque a idéia é ser realmente exclusivo, tudo desenhado através dos sonhos das pessoas.
Que ela é doida já deu pra entender. Imagine a pessoa mais criativa e sonhadora do mundo… imaginou? Agora coloque ação nisso (porque ninguém vive só de sonhos) e muita atitude. Ah, e garra, e coragem… e no final um pouco de pó de pirlimpimpim.
Eu vejo a Tathy assim… Doce na hora certa mas de uma hora pra outra completamente leoa. Se tiver um sonho pode dar nas mãos dela que terá ele concretizado em todas as cores.
Foi assim comigo…
Eu queria fazer Natal, queria atender as pessoas que me ligaram pedindo, mas só tinha uma idéia e não podia ir atrás dela de jeito nenhum. Aí joguei a idéia em palavras pra Tathy e fui vendo diariamente as coisas se concretizando.
Falei que queria um cenário dourado e outro branco com vermelho. Que a idéia central era Família então seria algo mais tradicional sem ser chato. Queria uma árvore e brinquedos. Ah, e um caixote rústico pra criança sentar, mas tinha que ser vermelho.
E aí fomos conversando… diariamente via pedaços do que estava sendo feito, ela foi me mostrando através de fotos do celular. Vi ela batalhando parcerias super importantes, indo às melhores lojas de brinquedos, procurando os doces mais gostosos, procurando a melhor fantasia e acessórios… enfim, fazendo tudo como se fosse pra ela.
Confesso que tive medo de não dar certo e de não dar tempo. Nas últimas noites dormi mal de ansiedade.
E aí ela me disse que além dos cenários faríamos algo na recepção também porque os clientes iam se sentir no clima e subir pra sessão mais felizes.
Fiquei empolgadíssima imaginando tudo. Mas foi muito melhor…
Um dia antes a Tathy chegou com o carro abarrotado de caixas, caixotes, organizers… tudo aqui virou uma bagunça.
E durante o dia todo foi montando, colando, pendurando, arrumando cada detalhe.
Para que as crianças ficassem à vontade ela colocou um tapetinho de grama sintética com brinquedos educativos na recepção.
As guloseimas foram dispostas em pratinhos lindos, a suqueira (com suco de uva natural pra garotada) virou um Papai Noel, copinhos de papel lindos com canudos listrados foram perfeitamente arrumados, plaquinhas lindas foram colocadas para identificar os doces e toalhas bem fofas feitas especialmente para nós foram espalhadas deixando tudo no clima natalino.
Ah, e o toque mais que especial foi a papelaria super personalizada feita pela Pathy, da Dolci Regali. Até um Soldadinho de Chumbo de papel ela fez para as fotos. Vocês tem que ver a riqueza de detalhes das peças. As caixinhas de soldadinhos foram todas embora, não dava pra resistir.
No final do dia, com tudo montado, fiquei boquiaberta, sem ter como agradecer. Fomos dormir exaustas e felizes.
Foi delicioso ver os pais chegando e as crianças olhando pra tudo com aquele olhar brilhante que só criança tem…
Foi delicioso ver alguns pais sentando no chão com os filhos dando suco e brincando enquanto esperavam seu horário ou escolhiam as fotos. Ah, e os pais se sentindo em casa, tirando o sapato, virando crianças novamente… lindo, exatamente o que queríamos!
Nosso Natal foi realmente mágico!

Não podemos deixar de agradecer a cada parceiro que fez parte desse nosso sonho:
Tathy, sempre a Tathy, estúdio Tata Carvalho (https://www.facebook.com/estudiotata) transformando tudo em realidade com suas pitadas extraordinárias de alegria. Nada mais que tudo que viram aqui é responsabilidade dela.
Pathy, da Dolci Regali ( https://www.facebook.com/dolciregali.convites), uma artista que sabe como criar em papel o que sua imaginação pedir.
Kids Box (http://lojavirtual.kidsbox.com.br). Brinquedos lindos, exclusivos. O triciclo de alce vermelho é dessa loja. Um show de brinquedo que encantou a criançada e fez a diferença na sessão.
Cuca Toys (https://www.facebook.com/cucatoys.brinquedoscriativos). Brinquedos Educativos. Loja linda, completamente lúdica. Brincar e aprender, sempre.
Natal2013
Natal20132
Natal20133
Natal20134
Natal20135
Natal20136
Natal20137
Natal20138
Natal20139
Natal201310
Natal201311
Voltar ao início Entre em contato Envie para um amigo Tweet this Post Receba o blog por e-mail
Erika - 9 de janeiro de 2014 - 10:12

Parabéns.. estava tudo realmente lindo!!!!

Pamela Greco - 9 de janeiro de 2014 - 12:42

Lindo e cheio de afeto! Quer mais “Natal Mágico” que isso? Adorei!

Tata Carvalho - 9 de janeiro de 2014 - 13:19

Querida Kaká

Sem palavras para você. Obrigada pelo carinho. Nossa parceria neste projeto foi tão certa e tão mágica que tenho certeza de que muitos outros projetos surgirão com a mesma alegria, entusiasmo e paixão.., Sim, paixão! Porque somos apaixonadas pelo que fazemos e somos apaixonadas por histórias. Par Perfeito!

Um grande beijo!

A Festa da Bia

Conheci a família da Bia só por e-mail. Coisas da tecnologia… Mas logo de início, pelas primeiras conversas parecia que eu conhecia a Juliana. Tanto que até o dia da festa não existiam mais Juliana e Beatriz, eram Ju e Bia.
Muita intimidade? Talvez. Mas pelo menos aqui, no meu espacinho, gosto de me sentir assim. As coisas funcionam tão melhor….
A energia dessa família é tão linda que simplesmente não consegui escolher a quantidade de fotos que tínhamos combinado. Deletar fotos? Não, foi impossível.
Me diverti com cada sorriso. E aquele bico fofo de manha? Ah, me derreti!
Família pra mim é isso…
É mãe que participa, que acolhe. Mãe animadora de torcida, alegre, que encoraja e torce, vibra pela filha e a faz segura.
É pai que abraça, afaga, beija…. e, gente, que pai beijoqueiro esse… linda a relação dos dois.
Eu falei dois????? Não, três. Porque só por esses momentos deu pra perceber que esses 3 juntos são um só. Uma família carinhosa onde um completa o outro.
E como eu percebi?
É só olhar pra Bia. Vejam o carinho que ela tem com todos os amiguinhos. E cada sorriso gostoso que de olhar dá pra sentir, pra escutar o barulho de gente feliz.
A Bia é o reflexo do que ela recebe. Uma garotinha linda que esbanja luz por todos os cantos.
Voltar ao início Entre em contato Envie para um amigo Tweet this Post Receba o blog por e-mail

Valentina – A Festa

Coincidências existem?
Posso provar que sim.
Quando a Marilyn me indicou pra Giovana não podíamos imaginar que éramos praticamente vizinhas. Ela veio a pé até o estúdio pra ver os álbuns e fecharmos o contrato.
E conversando descobrimos que eu fotografo o sobrinho dela desde que ele ainda morava dentro da barriga. Todos os anos participo dos aniversários dele, já tem 4 anos.
Não podia ser mais perfeito!
A Giovana é uma delícia de pessoa, a Valentina então, nem se fala. Toda delicada, uma verdadeira princesa.
Os pais participaram demais da festa, deixando-a brincar o tempo todo mas sempre ali, juntos, participando de tudo.
E o dia estava lindo!!!!!! Um sol delicioso na chácara da família, muitas crianças, um cantinho de brincar super gostoso e, principalmente, muito amor e felicidade pela comemoração do primeiro ano de uma princesinha.
Voltar ao início Entre em contato Envie para um amigo Tweet this Post Receba o blog por e-mail

A Festa de uma Princesa

Essa festa não foi só uma festa, foi um grande evento. Por ser tão grande tive que dividir em duas partes então vou mostrar primeiro a decoração pra depois mostrar a festa em si.
O gostoso é que participei um pouco do planejamento dela, fui vendo as coisas serem feitas então isso gerou uma baita expectativa para o dia.
Como fiquei sabendo de tudo antes? Isso também tem história, dessas gostosas de viver e de contar.
Como sabem, fotografo para o Cinematerna aqui em Campinas e lá conheci a Marilyn, voluntária que estava ajudando as mamães que iam às sessões com seus bebês.
Pense em uma pessoa que você acaba de conhecer e imediatamente ela dá um “up” no seu humor…
Foi bem assim. Papeamos bastante nos cafés após a sessão de cinema e nisso descobri que o trabalho dela tinha tudo a ver com o meu.
Foi assim que conheci a Marilyn, da Aromática – Oficina de Artes que além de ser uma pessoa deliciosa de conviver é uma “fazedora de fofurices extremas” super profissional.
Foi ela que fez toda a decoração linda da festa da Valentina.
Antes da festa fizemos o Smash the Cake da Valentina aqui no estúdio. Foi delicioso, ela aproveitou muito, se lambuzou toda. A idéia dessa sessão era ter fotos bem bonitas para o livro de assinatura.
Para um dia de princesa muitos lacinhos, cores lindas, tudo preparado para receber a família.
A decoração estava perfeita, cada detalhe super pensado. Como o tema foi Cinderela nem as abóboras foram esquecidas.
Ah, e a decoração além de estar linda quase fez uma fotógrafa infartar com tantas surpresas. O painel/banner de fundo da mesa tinha as fotos do Smash the Cake e as fotos estavam espalhadas por todos os cantos com uma moldura nas cores da festa, coladas pelo ambiente e no livro de assinaturas. Confesso que é uma delícia ter esse tipo de surpresa.
Agora é a hora de ver um pouco do que foi essa festa com cores delicadas como a dona dela.
Voltar ao início Entre em contato Envie para um amigo Tweet this Post Receba o blog por e-mail
Katia ENandocasal Viajandao - 15 de dezembro de 2015 - 15:54

Linda festa foi alugada ?
Gostaria de saber como vc fez quero fazer p minha netinha Valentina que vai fazer 1 ano

Batizado da Marina

Se tem uma coisa que posso afirmar que tenho é sorte.
Atraio “gente boa”, gente com energia contagiante, pessoas que mal vejo e dá uma vontade imensa de abraçar e agradecer por terem me deixado participar de momentos tão importantes na vida delas.
Acredito que quando gostamos muito do que fazemos é assim, a atração é inevitável. Sempre brinco que não sou fotógrafa de pessoas mas sim de momentos, de vida que desabrocha, de parcerias pra vida toda, amor, amizade, cumplicidade. Quem me procura quer isso e aí acontece a mágica: essas pessoas se doam.
Falo de mágica porque é como sinto e é o que vou mostrar pra vocês neste post.
Em um dia normal de estúdio recebo a ligação da Rita, de Fortaleza. Até então era só a Rita, uma cliente me pedindo um orçamento como muitos que passo diariamente.
Como a internet é poderosa a Rita me conheceu através de um grupo lindo que tem aqui em Campinas do qual participo, o Mães Amigas (ainda vão me ouvir falar muito desse grupo).
Começamos a conversar e a conversa fluiu.
Pra mim é assim que acontece. É a mágica que atua e me faz perceber que essa pessoa é especial.
Como percebo isso? Através das palavras.
A Rita falava com um carinho do batizado da Marina, com uma preocupação com cada detalhe… e isso me fez querer muito participar, estar ali de alguma forma registrando todo esse carinho.
Quem me conhece sabe que batizado não é o que mais faço. Mesmo porque cada igreja tem suas regras e em algumas é bem difícil fotografar. Enfim… já vi padre dando “pito” em fotógrafo sem motivo e não foi a situação mais agradável de se ver.
Quando a Rita falou em que igreja seria o Batismo fui logo pesquisar. Era uma igreja linda, a Catedral Anglicana de São Paulo. Não só linda esteticamente mas também em seus conceitos. Me apaixonei pela idéia do novo.
Em todo esse percurso tive um acidente dias antes e… adivinhem? Quebrei a perna. Um bafafá, desespero, pânico, repouso absoluto. Não pude fotografar o batismo.
E aí entra novamente a sorte de ter o marido mais fofo do mundo e… tcharararannnnnnn… Fotógrafo.
Mas eu queria estar lá, essa família já tinha me conquistado. Como fazer?
Planejar tudo. Ver fotos e mais fotos do lugar e ter conversas diárias uma semana antes de como tudo seria feito.
É claro que o Fábio tem o olhar super especial dele mas eu queria um pouco de mim ali, por isso tanta conversa, pra que tudo saísse perfeito. E saiu muito melhor.
Não é a técnica que faz uma foto (embora ela seja essencial). Por melhor que seja a direção, luz e enquadramento não é isso que define uma boa foto. O que define é a qualidade daquele momento, é a doação das pessoas e, neste caso, o amor dessa família que está no olhar e no carinho da Rita e do Thiago com a Marina.
É impossível não sentir a felicidade, não sorrir com as brincadeiras. Ao tratar cada foto e diagramar o álbum eu me senti ali. E reafirmo: Tenho muita sorte de poder estar perto de tanta coisa boa.
Aqui pra vocês um pedacinho desse batizado que une Fortaleza, São Paulo e Campinas mostrando que uma família unida supera qualquer distância.

Voltar ao início Entre em contato Envie para um amigo Tweet this Post Receba o blog por e-mail
Mariana Marques - 30 de março de 2013 - 12:10

Kaká! Que coisa mais linda essas fotos do batizado! Parabéns, vc arrasou!!
E que menina mais fofaaaa, parece uma bonequinha de porcelana! Linda!!

kkpillat - 5 de abril de 2013 - 0:00

Obrigada Mari! A Marina é lindaaaaa! Ultra bem humorada, uma gatinha. Também, com essa família…
Beijos